Acidentes em obras, como evitar? Descubra as 9 melhores formas aqui!

Início » Acidentes em obras, como evitar? Descubra as 9 melhores formas aqui!
Acidentes em obras, como evitar? Descubra as 9 melhores formas aqui!

Você sabia que o Brasil ocupa o quarto lugar no ranking dos países campeões mundiais em acidentes de trabalho? Em terras nacionais, a construção civil está entre os três setores com maior número de registros de acidentes em obras, que podem desencadear lesões permanentes e até a morte.  

Isso porque a própria natureza das funções envolve muitos riscos, como: trabalho manual / braçal, equipamento específico, máquinas pesadas, trator, rolo compactador, fiações elétricas expostas, etc.

Mas de acordo com estatísticas fornecidas pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), o índice diminuiu 38% entre 2013 e 2015, conforme abaixo:

Porém, especialistas apontam que muitas empresas deixam de registrar as eventualidades que acometem o trabalhador, e talvez isso contribuiu para a redução do percentual no estudo divulgado.   

Claro que o ramo está muito mais seguro hoje do que há décadas atrás, assim como as demolidoras, mas ainda existe necessidade de muitas melhorias para evitar ferimentos em obras. E já que eles continuam ocorrendo com frequência, é imprescindível conscientizar e treinar os empregados acerca dos riscos e como evitá-los.

A seguir, você vai conhecer algumas providências para ajudar a diminuir os imprevistos nos canteiros da construção.

Confira as 9 Melhores Maneiras de Reduzir Acidentes em Obras:

1. Conte com o Equipamento de Proteção Individual (EPI)

Para manter a segurança um canteiro de obras, os operários da edificação precisam estar equipados com uniformes corporativos adequados à função e às condições do local. Há algum tempo atrás, o uniforme dos trabalhadores da construção envolvia um par de botas, capacete e colete.

Hoje, os uniformes melhoraram no que diz respeito à proteção do operário. As botas têm um desempenho melhor; os capacetes estão mais seguros; os coletes possuem tiras refletivas e os macacões são mais resistentes.

Além destes, costumam ser necessários outros equipamentos de proteção individual, como: máscara facial; luvas; avental; viseira de proteção (ou óculos); balaclava (capuz) e protetor auricular (ou abafador de ruídos).

Para você ter uma ideia, atualmente existem calçados no mercado que oferecem uma ampla proteção a diversos impactos. É o caso da bota que possui uma placa de aço na sola, impedindo perfuração por materiais cortantes que podem lesionar os pés.

O importante é saber que o investimento em Epi’s confeccionados com materiais de qualidade é a melhor maneira de prevenir lesões que podem ficar muito mais caras, não só para você, mas para todos da equipe!

2. Invista em um drone

Os drones são controlados à distância e captam imagens aéreas relevantes para as obras de grande porte. É a nova tecnologia invadindo a construção civil que pode promover melhorias também quanto à segurança.

Além de aumentar a eficiência nos canteiros e auxiliar no mapeamento e na análise de dados, o drone ajuda a pesquisar e monitorar a atividade em andamento. Ele pode ainda avaliar o progresso e a estrutura, auxiliando à supervisão da obra a verificar periodicamente se os padrões e regulamentos são cumpridos.

Isso é eficiente em termos de tempo e economia de dinheiro porque elimina a necessidade de inspeções pessoais. Além disso, com a chance de que algo aconteça, esses gênios pequeninos podem alertar a pessoa responsável imediatamente e evitar que o incidente se torne mais sério.

Dessa forma, os drones não só monitoram, como buscam riscos de segurança e podem acessar locais perigosos para os trabalhadores, como as áreas inacabadas ou instáveis.

3. Mantenha ferramentas e equipamentos organizados

É muito importante certificar-se de que suas máquinas ou veículos pesados – como tratores ou motoniveladoras, por exemplo -, e se todos os equipamentos estão em pleno funcionamento. Assim, eles devem passar por inspeção regular, de preferência com registro de quando foi feita a última conferência ou manutenção.

Isso porque, infelizmente, muitos acidentes em obras ocorrem quando os componentes da construção apresentam defeitos negligenciados ou quando não estão conservados ou mantidos em local apropriado.

Você também deve encorajar seus funcionários a fazer uma rápida verificação antes de usá-los para garantir a eficiência e a própria segurança. Vale lembrá-los de que quaisquer problemas na manutenção desses equipamentos devem ser relatados imediatamente à gerência.

4. Cuide da limpeza no local de trabalho

Além de dar manutenção, usar os materiais e guardar no local correto, é importante que todos estejam cientes e cumprindo o padrão de limpeza da obra. O oposto disso é outra causa comum de acidentes em obras, quando os trabalhadores tropeçam em detritos do canteiro e se machucam com uma queda ou deslize.

Por isso, é muito importante manter toda a área livres de entulhos típicos da construção para evitar ferimentos desnecessários.

Qualquer derramamento também precisa ser limpo rapidamente. Para isso, a área pode ser sinalizada como “molhada” até que esteja segura novamente.

Outra alternativa de “limpeza” importante no âmbito da construção é a terraplanagem que remove vegetação, restos de árvores ou pedras, adequando o terreno para a construção segura. Logo, até mesmo a escolha de um veículo de grande porte para realizar o nivelamento do solo também é uma decisão que deve considerar a proteção de todos os envolvidos.

Neste caso, se você procura máquinas com garantia de qualidade, a locação do rolo compactador pode fazer uma grande diferença em seu empreendimento!

5. Baixe um aplicativo de segurança

Atualmente, os aplicativos abrangem qualquer campo que você puder imaginar, incluindo, obviamente, a engenharia e construção. Isso significa que você pode solucionar problemas de segurança simplesmente usando seu celular.

Existem versões de aplicativos para construção com imagens em 3D que podem ser compartilhados com um grupo de pessoas, tipo mestre de obras, engenheiros e arquitetos, por exemplo, para que revisem e alterem detalhes em prol da segurança dos operários.

Esses softwares podem alertar sobre alturas perigosas, riscos de lesões e alarmes caso ocorra alguma queda.

É importante salientar que os aplicativos não garantem a segurança total, mas são uma verdadeira “mão na roda” quando o assunto é monitorar o panorama das construtoras, bem como diminuir os riscos aos quais os trabalhadores são expostos cotidianamente.

6. Garanta a conformidade dos regulamentos de segurança

Embora muitos regulamentos sejam considerados massantes, todos sabem que que eles são uma medida significativa para evitar acidentes em obras – ou, no mínimo, evitar problemas com a justiça.

Portanto, é vital que você mantenha-se atualizado com as últimas leis e regras que cercam o local de trabalho.

Verificar a conformidade dos regulamentos de segurança não protege apenas os trabalhadores, mas também o empreendimento, que se mantém livre de multas e ações judiciais.

7. Considere um kit de primeiros socorros

Quando acidentes na construção acontecem, você tem que estar pronto com os primeiros socorros adequados. Por lei, as empresas são obrigadas a fornecer aos trabalhadores um kit de primeiros socorros com algumas necessidades básicas. No entanto, é sensato ir além quando você está falando sobre máxima segurança de seus trabalhadores.

Hoje, existem aplicativos para smartphone que orientam quanto aos primeiros socorros, permitindo uma pesquisa de sintomas e informações sobre como estancar sangramentos em segundos, por exemplo.

Se a sua empresa mantém o mesmo kit de primeiros socorros disponível há muito tempo, é hora de revê-lo e conferir a validade dos itens. Lembre-se que um kit de primeiros socorros pode fazer toda a diferença quanto à sobrevivência e até evitar sequelas graves.

8. Organize reuniões e treinamentos de segurança

Suas reuniões de segurança devem ser frequentes – talvez até diariamente, se você estiver realizando trabalhos de alto risco, como a construção em uma rodovia, por exemplo.

Nessas ocasiões, a proteção não pode ser se restringir à dicas simples e genéricas retiradas de um manual de segurança. Em vez disso, é ideal solicitar à equipe um feedback sobre os possíveis riscos percebidos em seu ambiente de trabalho.

Esse tipo de debate enriquece a construção civil, porque acrescenta experiências vividas no dia-a-dia da obra, com soluções para aplicar em tempo real. Assim, vocês podem optar juntos pela melhor solução para evitar acidentes em obras.

Já os treinamentos são importantes para garantir que todos os contratados estejam aptos a atuar na construção e seguir seus regulamentos. Também é possível oferecer cursos específicos voltados para a realização de procedimentos seguros e beneficiar colaboradores e empresa.

Eles podem aprender premissas indispensáveis, como: as regras básicas da segurança no terreno; como trabalhar em andaimes de maneira segura; noções sobre a prevenção de incêndios; a importância de resguardar acessos e saídas desbloqueados; a maneira correta de utilizar o EPI; e até introdução aos primeiros socorros.

Outra importância atribuída aos treinamentos é qualificar os funcionários antes de operar equipamentos da construção civil. Sendo assim, nenhum deles pode trabalhar operando uma máquina caso não esteja habilitado para manuseá-la.

Naturalmente, esses cursos demandam tempo, planejamento, investimento e atualização constante. Por outro lado, podem representar maior economia, já que além de reduzir os acidentes da construção, também melhoram a produtividade dos colaboradores, e reduz a possibilidade de afastamento e inatividade em decorrência de algum desastre.

9. Utilize máquinas de qualidade

A última proposta para evitar acidentes em obras, mas não menos importante, é priorizar equipamentos e máquinas pesadas de qualidade para garantir a segurança e o sucesso do empreendimento. Neste caso, é melhor optar por parceiros confiáveis e, de preferência, com experiência no mercado.

Para garantir uma atuação em conformidade, a Satel trabalha há mais de 40 anos locando as melhores máquinas para seus clientes. Munida de grande experiência, e sendo hoje uma das principais locadoras nacionais, a empresa oferece uma frota moderna e adequada às normas rigorosas da construção civil.

Mantenha seus trabalhadores seguros

Você acabou de conferir algumas dicas valiosas para evitar acidentes em obras, um assunto extremamente relevante que interessa não só ao trabalhador, como também aos empreendimentos.

É fato que as empresas do setor estão mais preocupadas com a aplicação de procedimentos seguros e regulamentações adequadas, além de oferecer alternativas de primeiro socorro e planos de saúde.

Mas enquanto a construção civil não consegue oferecer funções totalmente livres de riscos, a tecnologia disponibiliza atalhos que reduzem drasticamente o risco de lesões. Entre eles destacamos a qualidade dos equipamentos de segurança, aplicativos para celular e drones que implementam melhorias no canteiro de obras, tornando o trabalho mais seguro para todos os envolvidos.

Com funcionários mais produtivos e seguros, a reputação da empresa se eleva, e todos ficam cientes de que a segurança é uma prioridade da mesma, afinal, além de ser uma responsabilidade moral, evitar acidentes em obras destaca e valoriza seu negócio, inclusive na praticidade em adquirir mão de obra competente.

E se você precisa de ajuda para escolher máquinas pesadas para locação, entre em contato com a Satel. Disponibilizamos uma equipe qualificada para orientá-lo quanto aos equipamentos ideais para sua obra, a fim de garantir a eficiência do trabalho e manter a segurança dos operadores.

Fale com a Satel

(31) 3036-0000
satel@satel.com.br
SAC Satel
Orçamento

Artigos Relacionados

Aproveite para ler também outros conteúdos exclusivos e ricos em informações que podem te interessar: