Construção civil abriu quase 30 mil novos postos de trabalho em julho de 2021

Início » Construção civil abriu quase 30 mil novos postos de trabalho em julho de 2021

Esse número representa um acréscimo de 1,22% sobre junho, e este é o terceiro mês consecutivo de matrículas, acumulando o ano todo com 208.259 empregos formais.

Dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, indicam que a construção civil criou 29.818 empregos em julho, em todo o país. O número representa um crescimento de 1,22% em relação a junho e este foi o terceiro mês seguido de alta, após maio registrar 22 mil novos postos de trabalho e abril ter 21 mil vagas preenchidas. No acumulado do ano, o setor abriu 208.259 empregos com carteira assinada.

Entre agosto de 2020 e julho de 2021, a construção civil criou 310.541 postos de trabalho, sendo o quarto setor que mais gerou empregos formais no período. Para Odair Senra, presidente do Sindicato da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), os números demonstram a resiliência do setor na execução das obras contratadas. “Apesar do aumento de 34,18% no preço dos materiais e equipamentos nos últimos 12 meses”, diz Senra, destacando que investir na construção representa uma segurança neste período de incerteza.

Atividades imobiliárias

Em julho, a diferença entre as contratações e as demissões no mercado imobiliário foi de 1.686 postos de trabalho (+1%). No acumulado do ano, o número está em +7,38% e, se forem considerados os últimos 12 meses, a porcentagem é de +11,73%. Neste segmento, o ritmo de geração de vagas permanece estável.

Divisão por Estados

São Paulo foi o Estado que mais criou postos de trabalho na construção civil em julho, com a abertura de 6.560 vagas. Na sequência, aparecem Minas Gerais (4.851), Rio de Janeiro (2.249), Pará (2.206), Ceará (1.858), Santa Catarina (1.663), Bahia (1.550), Goiás (1.451), Maranhão (1.319) e Rio Grande do Sul (1.100).

Via: AECWeb

Open chat
Precisa de ajuda? Fale conosco!